Big Data no RH: como o uso de dados beneficia o colaborador

É inegável que a era digital vem revolucionando a gestão de pessoas. Com softwares capazes de fornecer dados dos mais variados tipos, o RH hoje opera com mais subsídios para a tomada de decisões estratégicas. Mais que isso: vem aprimorando substancialmente seus processos, desde o recrutamento de candidatos até a gestão da frequência dos colaboradores. E se os benefícios do Big Data para as empresas são muito claros, pois as tornam mais assertivas, ágeis e competitivas, o mesmo vale para o colaborador. Veja como o uso de dados e de indicadores pelo RH contribuem para o desenvolvimento de uma força de trabalho mais produtiva, autônoma e feliz na companhia. 

Contratações mais alinhadas

Empresas que utilizam análise de dados em seus processos seletivos podem identificar perfis de profissionais com maior aderência à vaga e à sua própria cultura corporativa. Com contratações mais certeiras, ganha a empresa, que tem aumentada a chance de reter aquele talento, e ganha também o profissional, que não só pode desenvolver suas competências em alto nível, como tem suas expectativas e valores mais alinhados aos da companhia, inclusive no que se refere à política de benefícios.   

Controle da produtividade

Os indicadores de RH são essenciais para mensurar a performance de equipes, departamentos e da empresa como um todo. Sempre que essas métricas são acessadas pelo profissional na forma de feedback sobre seu desempenho, tornam-se também um incentivo para que ele inove mais, produza mais, alcance as metas determinadas. Afinal, o feedback resguardado por dados garante mais transparência na relação com os gestores e acelera o aprendizado. 

Gestão eficiente do banco de horas

O controle de ponto feito via sistema como o NewPonto Cloud da Norber fornece à empresa dados consolidados acerca de faltas e absenteísmo. Serve, também, para o cálculo exato e sem erros da folha de pagamento e das horas extras. Para o colaborador, é uma garantia de que as horas trabalhadas estão sendo devidamente computadas e remuneradas, mesmo quando a marcação acontece online e a partir do home office. Outro benefício é a possibilidade de acesso ao banco de horas. Por meio do sistema, o colaborador acompanha os seus dados e sabe exatamente quantas horas ou dias tem a compensar ou receber. Essa funcionalidade facilita a negociação de folgas e de alterações de jornada, proporcionando uma gestão mais autônoma e eficiente do banco de horas.      

A Norber desenvolve sistemas que facilitam a gestão da frequência dos colaboradores, incluindo equipes remotas. O NewPonto Cloud armazena dados na nuvem, possibilitando o gerenciamento online da jornada. Já o NewMobile permite a marcação de ponto via smartphone, de qualquer lugar e em tempo real. Para conhecer as funcionalidades destas e outras soluções, visite www.norber.com.br e fale com a Área Comercial.