Como identificar riscos e retomar o rumo do crescimento em 2021

A sua empresa projeta crescimento ou se manterá estagnada em 2021? Por causa da crise e do cenário ainda repleto de incertezas, a primeira reação dos gestores é colocar o pé no freio, congelando investimentos, cortando custos ou evitando novas contratações. Porém, manter a postura reativa por um período prolongado pode gerar um efeito adverso, como perda de market share e dificuldade de encontrar fontes alternativas de receita. Por isso, antes de tomar qualquer decisão drástica, é importante identificar riscos, dimensionar problemas e, então, escolher como trilhar o caminho do crescimento.

Fatores de risco

O primeiro passo para formatar um plano de crescimento é identificar eventuais problemas. De modo geral, queda do faturamento, fluxo de caixa negativo e redução da liquidez são indicativos de que algo não vai bem no seu negócio. Também devem acender o sinal de alerta fatores como a queda do valor de ações, dificuldade de captação de recursos e aumento de contas a pagar em curto e médio prazos. Em relação aos fatores internos, o turn over de talentos e a falta de engajamento dos colaboradores são pontos de atenção que devem ser devidamente analisados e contornados. Com calma e pé no chão, use indicadores de desempenho para dimensionar problemas e tomar decisões acertadas. Seja realista e não supervalorize dificuldades, pois o medo paralisa e impede de seguir adiante.   

Estratégias de crescimento

Uma vez identificadas as dificuldades, é hora de focar nas soluções. Ao invés de ficar remoendo problemas, dedique-se a encontrar oportunidades. Se efetuar contratações está fora de cogitação, por que não investir no treinamento da força de trabalho existente? São colaboradores motivados e comprometidos com resultados que podem, afinal, ajudá-lo a superar desafios, virar o jogo e entrar numa trajetória ascendente.        

Investir em tecnologia é outra medida que deve fazer parte do seu plano de crescimento. Ainda que impliquem em gastos imediatos, soluções que automatizam processos geram inúmeros benefícios, como agilidade na execução de tarefas diárias e economia de mão de obra. Também vale apostar em cloud computing e em softwares para a gestão remota dos colaboradores, já que o home office e a jornada híbrida seguem em alta neste início de ano. 

Sistemas de controle de frequência como o NewPonto Cloud e o NewMobile da Norber são aliados do crescimento. Por possibilitarem a marcação do ponto online e à distância, garantem eficiência à gestão da jornada e maior controle das horas extras.  

A Norber desenvolve sistemas que facilitam a gestão da frequência dos colaboradores, incluindo equipes híbridas e remotas. O NewMobile permite a marcação de ponto via smartphone, de qualquer lugar e em tempo real. Já o NewPonto Cloud armazena dados na nuvem, possibilitando o gerenciamento online da jornada. Para conhecer as funcionalidades destas soluções, visite www.norber.com.br e fale com a Área Comercial.