Benefícios flexíveis: o que são e quais as vantagens

A política de benefícios sempre foi uma importante ferramenta para a atração e retenção de talentos. Em razão da ascensão do trabalho remoto, o mercado de benefícios vem incorporando mudanças para atender mais efetivamente às demandas dos profissionais. Para quem trabalha de casa, por exemplo, o auxílio home office pode ser mais interessante que o vale-transporte, que deixou de fazer sentido na medida em que não precisamos nos deslocar até o escritório. A ideia da flexibilidade, portanto, é garantir ao profissional mais autonomia para escolher o benefício mais adequado ao seu momento de vida e às necessidades.  

Vantagens e tipos de benefícios flexíveis

Ao flexibilizar a política de benefícios, as empresas têm como objetivo fornecer um pacote ainda mais atrativo ao colaborador, dentro de um leque de opções e respeitando um teto de valor ou pontuação. As vantagens são diversas: reforço da marca empregadora, valorização da diversidade e do bem-estar, redução do turnover, além de aumento da satisfação e, consequentemente, da produtividade.  

Entre os benefícios que costumam integrar um catálogo flexível estão: vale-alimentação e refeição, auxílio creche, auxílio home office, vale-cultura, assistência médica e odontológica, auxílio mobilidade, vale-transporte e combustível, seguro de vida e plano de previdência privada. Há ainda empresas que concedem vale-academia, reforçando a importância da prática de atividades físicas, além de descontos em escolas de idiomas e cursos voltados para o desenvolvimento da carreira. 

Em relação aos vales refeição e alimentação, um decreto do Governo Federal alterou as normas do Programa de Alimentação do Trabalhador (PAT). De acordo com as novas regras, que começam a vigorar em maio de 2023, os estabelecimentos comerciais não podem limitar o serviço a uma bandeira específica, o que promete ampliar as opções de estabelecimentos para os usuários. Outra novidade é a portabilidade de créditos de uma bandeira para outra.   

Como implementar o benefício flexível na sua empresa

Realizar uma pesquisa para identificar perfis e as demandas dos colaboradores é o primeiro passo para o seu RH implementar uma política de benefícios flexível. Além de mapear as preferências internas, é preciso considerar a legislação trabalhista e os aspectos jurídicos e financeiros na hora de planejar os pacotes. Um ponto de atenção diz respeito às convenções coletivas que tornam obrigatória a concessão de alguns tipos de benefícios, como o plano de saúde, para determinadas categorias profissionais. 

As relações de trabalho estão mudando e nada mais natural que as companhias adequem seus modos de gerir e engajar talentos. Na medida em que o trabalho remoto se tornou uma realidade, vem crescendo a necessidade de soluções corporativas flexíveis, como é o caso também dos sistemas de controle de jornada que permitem a marcação do ponto online ou via smartphone. 

A Norber desenvolve softwares de controle de ponto que facilitam a gestão da frequência dos colaboradores, tanto presenciais quanto remotos. O NewPonto Cloud armazena dados na nuvem, possibilitando o gerenciamento online da jornada. Já o NewMobile permite a marcação de ponto via smartphone, de qualquer lugar e em tempo real. Para conhecer as funcionalidades destas soluções, visite www.norber.com.br e fale com a Equipe Comercial.