Como minimizar risco de ações trabalhistas com controle de ponto

Minimizando risco de ações trabalhistas com controle de ponto.

Hora trabalhada é hora paga. Por isso, ainda que registrar o ponto possa parecer mera burocracia, trata-se de uma prática indispensável, que ajuda a garantir maior transparência nas relações entre empregador e empregado. Segundo o Tribunal Superior do Trabalho, a causa número 1 no ranking de processos trabalhistas se relaciona a conflitos acerca do pagamento de horas extras. Do total de 41.708 ações registradas no TST em 2016 (de janeiro a março), 5.295 incluem reclamações de horas extras e 263 tratam de cartão de ponto.

Controle de ponto e de horas extras

Para evitar impasses judiciais, o primeiro passo é registrar o horário de entrada e saída dos colaboradores da sua empresa. O controle de frequência é obrigatório para empregadores com mais de dez funcionários, de acordo com o artigo 74 da CLT. O registro deve apontar exatamente as horas trabalhadas durante o dia, assim como o intervalo para alimentação. Essas informações são essenciais para que o departamento de RH possa computar as horas adicionais, que deverão ser pagas com acréscimo de no mínimo 50% do valor da hora normal, ou compensadas através de banco de horas, respeitando os devidos prazos e convenções ou acordos coletivos.

Como o NewPonto reduz os riscos

A Norber conta com soluções que auxiliam o RH na apuração eficaz da jornada de trabalho e, consequentemente, no cumprimento das obrigações legais. O NewPonto é um software de gestão de controle de frequência que automatiza os procedimentos manuais, gerando economia de tempo na execução das rotinas administrativas relacionadas à folha de pagamento e proporcionando maior confiabilidade no tratamento das informações. Quanto menos interferência manual na transcrição dos dados, menor a chance de ocorrência de erros na folha de pagamento. Para conhecer as funcionalidades do NewPonto, visite www.norber.com.br ou fale com a Área Comercial.

Como minimizar o risco de ações trabalhistas com controle de ponto
Como minimizar o risco de ações trabalhistas com controle de ponto

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *